© 2014-2019. Direitos Reservados a Denis Cardoso.

 

  • Facebook Basic
  • Twitter Basic
  • YouTube Basic
  • Soundcloud Basic

Dvrill, afinal porque este nome?

No fim de Setembro de 2014,  em um processo de auto-reflexão (tornando-se o  interlúdio, "The Lion`s Rise" do EP) Denis esteve apto a saber e conhecer novas "in-formações".

 

 

Nesse processo, o nome Vril surge em um livro que estava lendo, chamado "Vril-O Poder da Raça Futura" (Edward Bulwer Lytton-1871) e sob  estudos pesquisas, Denis percebeu que o tal do Vril era algo muito mais profundo do que imaginara.

 

 

 

Mediante ao processo  que se mantinha, no meio de informações e questionamentos,  Denis acabou percebendo que a energia Vril, de fato, não era uma forma filosófica de vida e muito menos sobre misticismo religiosidade.

 

 

"Vril de maneira bem resumida é a energia que "sustenta" absolutamente tudo, a energia primária que inclusive é citada em várias civilizações, e consequentemente,  também possui várias definições, algumas mais conhecidas como: Chi, Torus, Energia Vital, Ra, Aton, Cosmos, e Vril".

 

 

"Essa energia é uma constatação da vida, que pode vir a ser uma realidade a quem permite-se "estudar/experienciar", ou por direito, ignorar". - Conclui Denis Cardoso.

 

 

Após esse período, Denis decidiu juntar a primeira vogal de seu nome, D + vril, surgindo o nome de maneira consequente e ideológica, afim de compartilhar informações, experiênciasmudanças.

 

 

Fato é, que independente de ciência, crença e fé, Vrill, Evolução, Chi, Tao, dEUs, Consciência, "VOCÊ", são apenas definições de uma das várias maneiras de nos percebermos aqui neste lugar, portanto, permita que a onda sonora de Dvrill "acerte" você. 

 

Para mais informações, siga Dvrill em suas redes sociais.

 

Please reload

Posts Em Destaque

DVRILL na FINAL no CARIOCA CLUB

1/5
Please reload